Governo do Estado executou 100% emendas impositivas da educação em 39 municípios

Foto: Diego Peres/Secom

O Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Educação e Desporto, aplicou mais de R$ 45,4 milhões para o cumprimento de 122 emendas impositivas em 2021. O valor corresponde a 100% das propostas executáveis realizadas pelos parlamentares da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), que estavam aptas para execução.

Por determinação do governador do Estado, Wilson Lima, 2021 foi o segundo ano consecutivo em que as emendas foram atendidas em sua totalidade. “Nossa função é atender às demandas dos municípios e trabalhar em parceria com os parlamentares. O executivo estadual está cumprindo seu papel de investir na educação de todos os amazonenses”, ressalta o governador.

Em sua maioria, a quantia foi destinada para a construção de escolas e salas de aula, reforma e ampliação de unidades de ensino e aquisição de equipamentos de informática, refrigeração e Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), em Manaus e em 39 municípios do Amazonas.

Foto: Diego Peres/Secom

Das 122 emendas, 73 correspondiam a termos de convênio, 35 eram de termos de fomento, e outras oito emendas foram de execução direta. Para atender às demandas, foram destinados R$ 45.402.956,65.

A secretária de Estado de Educação e Desporto, Kuka Chaves, destaca que a execução das emendas demonstra o compromisso do Governo do Estado com a educação do Amazonas.

“Este é o segundo ano em que temos todas as emendas parlamentares voltadas para a educação atendida. Sem dúvida, é uma prova do comprometimento do governador Wilson Lima com nossos alunos, nossos servidores, com a educação do Amazonas”, avalia a secretária.

Foto: Diego Peres/Secom

Municípios – No total, foram 40 emendas destinadas a Manaus; oito para Parintins; cinco para Itamarati e Manicoré, cada município; três para Autazes, Barcelos, Boa Vista do Ramos, Carauari, Fonte Boa, Iranduba, Itacoatiara, Pauini, Tapauá, cada; e duas para Alvarães, Anori, Caapiranga, Itapiranga, Jutaí, Lábrea, Maués, Novo Aripuanã, Presidente Figueiredo, Rio Preto da Eva e Tabatinga, cada.

As cidades de Apuí, Barreirinha, Canutanama, Japurá, Juruá, Jutaí, Manacapuru, Maraã, Nhamundá, Nova Olinda do Norte, Novo Airão, Santa Isabel do Rio Negro, Silves e Urucará tiveram uma emenda, cada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui