Harry e Meghan estão oficialmente casados

Meghan é a mais nova plebeia a ser tornar membro da realeza britânica (Dominic Lipinski/Pool via REUTERS)

O príncipe Harry e atriz americana Meghan Markle estão oficialmente casados. A cerimônia começou neste sábado (19) pontualmente às 12h (8h do horário de Brasília), na Capela de São Jorge, em Windsor, nos arredores de Londres.

Com isso, Meghan é a mais nova plebeia a ser tornar membro da realeza britânica, concretizando o enlace que nas últimas semanas tomou conta do noticiário no mundo todo.

Meghan Markle e o príncipe Harry casaran-se neste sábado (19) (Foto: Dominic Lipinski/Pool via REUTERS)

Meghan desceu de um Rolls-Royce Phantom IV que a levou do hotel Clividen até a capela, onde era esperada por Harry, que usava uniforme militar do regimento de cavalaria Blues & Royals.

Meghan Markle entra na Capela de St.George, em Windsor – Foto: Reprodução/Reuters

A noiva usava um vestido branco criado pela estilista britânica Clare Waight Keller, da Givenchy, com véu, além de uma tiara no cabelo.

Meghan entrou sozinha na capela, acompanhada por dez crianças que fizeram pares de damas de honra e pajens, entre eles o príncipe George e a princesa Charlotte, filhos do príncipe William e de Kate Middleton.

Meghan Markle no altar (Foto: Reprodução/TV Globo)

A noiva foi acompanhada pelo sogro, o príncipe Charles, até a poucos metros do altar, após a polêmica provocada pela ausência de seu pai, Thomas Markle.

Ele não compareceu à cerimônia porque passou por uma cirurgia no coração recentemente.


Meghan Markle na Capela de São Jorge com o príncipe Charles/Foto: Reprodução

A alegação médica foi dada depois que Thomas ganhou destaque nos jornais ao ser descoberto por aceitar ser fotografado por um paparazzo em troca de dinheiro. Com a ausência de Thomas, o príncipe Charles, levou Meghan até o altar.

O deão de Windsor, David Conner, celebrou o casamento ao lado do líder máximo da Igreja Anglicana nos Estados Unidos, o bispo presidente Michael Bruce Curry, que pronunciou a homília. Justin Welby, arcebispo de Canterbury, tomou os votos matrimoniais.

A rainha Elizabeth, ao lado do príncipe Phillip e do neto William na capela de São Jorge (Foto: AP/ Jonathan Brady)

Após o casamento, os agora duque e duquesa de Sussex, deixaram a igreja e entraram em uma carruagem aberta para saudar as milhares de pessoas que acompanharam a cerimônia em telões.

Príncipe Harry e Meghan Markle durante passeio de carruagem por Windsor (Foto: Dylan Martinez/Reuters)

Depois do passeio começa a parte privada do casamento, com um almoço oferecido por Elizabeth II no castelo de Windsor e uma festa à noite na mansão Frogmore, presente do pai do noivo, o príncipe Charles.

Nas ruas de todo país foram organizadas festas e o dia acabará com a aguardada concessão que permite aos pubs funcionar até mais tarde que o habitual.

O grande evento foi cercado por muitas medidas de segurança no país, que sofreu cinco atentados em 2017, com um balanço de 36 mortos e dezenas de feridos.

Tiara

A tiara de diamantes usada por Meghan era da rainha Mary, que foi dada para sua neta, a rainha Elizabeth II. O acessório foi feito em 1932 no Reino Unido, sendo que o broche central é datado de 1893. Os brincos e o bracelete da noiva eram Cartier.

O véu tem cinco metros de comprimento e é feito de tule de seda com flores bordadas à mão em fios de seda e organza.

A tiara de diamantes usada por Meghan era da rainha Mary, que foi dada para sua neta, a rainha Elizabeth II/Foto: Reprodução

O buquê de flores foi elaborado pela florista Philippa Craddock e inclue algumas flores do jardim privado do Palácio de Kensington, que agora abrigará Meghan.

Após o casamento, os noivos farão um passeio pelas ruas da cidade a bordo de uma carruagem Ascot Landau – o modelo usado todo ano pela rainha em sua visita à corrida de cavalos. O percurso vai durar cerca de 25 minutos.

Kate Middleton, duquesa de Cambridge e Jessica Mulroney, amiga de Megan Markle, estilista de moda canadense com as damas de honra (Foto: Ben Stansall/Pool via Reuters)

Como Diana, Meghan Markle omite ‘obediência’ de votos de casamento

Meghan Markle decidiu não pronunciar a palavra “obediência” dos tradicionais votos de casamento na cerimônia. Com isso, ela segue os passos da tradição iniciada pela princesa Diana — que também foi seguida por Kate Middleton em seu casamento com o príncipe William em 2011.

O beijo de Príncipe Harry e Meghan Markle após casamento na capela de São Jorge (Foto: Ben Birchall/Pool via Reuters)

Em inglês, os votos tradicionais para a mulher costumam citar “love, cherish and obey” (amar, cuidar e obedecer em português). Meghan, no entanto, omitiu a palavra obedecer dos votos e parou em “love and cherish” (amar e cuidar).

Feminista, Meghan defende a igualdade de direitos entre homens e mulheres e é representante da ONU Mulheres, braço da Organização das Nações Unidas para a promoção da igualdade de gênero.

Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui