‘Infarto ao vivo’ na hora que defendia Bolsonaro no ‘Metendo Bronca’

Querendo ser advogado do diabo, Joaquim Campos quase foi a óbito acometido por um infarto - foto: recorte TV

Em meio à polêmica do desmatamento e das queimadas na Amazônia, o apresentador de TV paraense, Joaquim Campos, aproveitou um gancho entre algumas matérias para defender acaloradamente o presidente Jair Bolsonaro (PSL), durante a edição desta sexta-feira (23) no programa policial Metendo Bronca, exibido pela TV RBA, afiliada da Band em Belém do Pará.

Enquanto enaltecia as políticas ambientais do governo Bolsonaro e criticava ONGs ecologistas, responsabilizando-as pelas queimadas na região, o âncora do Metendo Bronca se exaltou tanto que acabou sofrendo um infarto em plena edição ao vivo do programa!

Em nota oficial, a TV RBA comentou o caso e deu detalhes do estado de saúde de Campos. “O vereador de Belém e apresentador Joaquim Campos sofreu um infarto no final da manhã desta sexta-feira, 23.

Foi prontamente atendido e levado para a urgência do Instituto de Previdência e Assistência do Município de Belém. Depois de transferido ao Hospital do Coração, onde foi submetido a um cateterismo, ficou constatada a necessidade de procedimento cirúrgico que deve ser realizado, no sábado, dia 24.

O quadro de saúde dele é estável”, afirmou a emissora.

BOL

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui