“Matei por vingança e não me arrependo”, diz assassino de mulher no Centro

Foto: Alana Honorato

Manaus – Carlos Maky Mota do Nascimento 27 anos, homem que matou a garota de programa Maria de Lurdes Palheta 41, no Centro de Manaus, na rua Lobo d’ Almada, zona Sul. Disse durante coletiva de imprensa na manhã desta quinta-feira (22), que não se arrepende de ter cometido o crime.

“Eu matei mesmo ela e não me arrependo, ela me traiu e deixou de ir me visitar na cadeia. Eu dava de comer pra essa mulher e ela me traiu, matei mesmo”. Disse Carlos sem mostrar nenhum arrependimento.

O crime aconteceu na noite da última terça-feira (20), por volta das 21h00, minutos após o mesmo entrar no motel para manter relações com a vítima. O criminoso será encaminhado na tarde desta quinta-feira (22), para um dos presídios da cidade.

Texto: Redação Correio da Amazônia

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui