Ministério Público do AM lança o seu Centro de Memória Digital

Procurador Edmilson Barreto Junior destaca a importância do Projeto/Foto: Tiago Correa

Em a parceria da Câmara Municipal de Manaus (CMM) e demais órgãos, o Ministério Público Federal no Amazonas (MPF/AM) lançou, na terça-feira (27), o Centro de Memória Digital da instituição, em solenidade que contou com a presença dos representantes das entidades que deram suporte técnico para o projeto, entre eles, o presidente da Casa Legislativa, vereador Wilker Barreto (PHS).

A parceria é mais uma contribuição que a Câmara realiza com os demais entes que compõem o quadro institucional do Estado, como as com o Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM) e Tribunal de Justiça (TJAM).

A iniciativa, que tem o objetivo de resgatar a memória institucional do MPF e sua contribuição para o aprimoramento da democracia e acesso à cidadania no Estado, teve o apoio da Casa Legislativa na colaboração com as atividades técnicas de gestão documental, pesquisa histórica e tratamento das informações que compõem o conteúdo do projeto. Além da parceria da CMM, o Centro de Memória Digital também teve a parceria da Prefeitura de Manaus e da Câmara dos Dirigentes Lojistas de Manaus (CDLM).

Procurador Edmilson Barreto Junior destaca a importância do Projeto/Foto: Tiago Correa

Em breve pronunciamento, o procurador-chefe do MPF/AM, Edmilson Barreto Júnior destacou importância do projeto pelo resgate e valorização da trajetória histórica e jornada pública da comunidade interna do órgão e população em geral. “São meios de fomentar a procura pela instituição quando o cidadão considerar necessária a sua intervenção, além de valorizar os profissionais que trabalham e deixaram a sua parcela de colaboração no MPF no Amazonas”, observou o procurador.

Sobre o Memorial

O Centro de Memória Digital vai estará disponível para acesso da sociedade no endereço www.mpf.mp.br/am. A plataforma reúne achados históricos, com dados sobre as sedes, galeria de procuradores-chefes, linha do tempo com principais acontecimentos, trajetória do projeto, entrevistas em vídeo com personalidades importantes para a construção da memória e do legado institucional, com o intuito de promover a identificação dos cidadãos amazonenses com o papel do MPF na proteção dos direitos humanos, no combate a práticas ilícitas e no respeito à cidadania e ao interesse público.

A ação é voltada para toda a comunidade interna, que é convidada a participa da atualização permanente do memorial, no resgate de momentos, imagens e indicações de pistas para investigação histórica e construção da trajetória institucional.

O lançamento do Centro de Memória Digital contou, ainda, com a presença do secretário-geral do MPF, Blal Yassine Dalloul, do secretário de Modernização e Gestão Estratégica do MPF, Cristiano Heckert, do vice-prefeito e secretário de Infraestrutura do Município, Marcos Rotta, da chefe da Seção de Biblioteca e Pesquisa do MPF/AM e percussora do processo de resgate e registro da memória da instituição, Farides Lucas e servidores do órgão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui