Motoristas: Especial e Rodoviários serão vacinados nos ‘Grupos Prioritários’

Sindicalista Gabriel Enock, Josenildo Mossoró e William Enock reunidos com a secretária Shádia Fraxe par decidir vacinação dos motoristas de Manaus - foto: Gabriel Guimarães

Todos os motoristas que trabalham nos Transportes Especial e no sistema dos transportes  Rodoviários urbano em Manaus, devem se cadastrar no imuniza Manaus, para receberem a vacina dentro dos ‘grupos prioritários’.

A garantia foi dada pela secretária municipal de Saúde de Manaus, Shádia Fraxe, após uma ‘longa e cordial’ conversa com o presidente do Sindespecial, William Enock e o vice-presidente dos Rodoviários, Josenildo Mossoró, hoje (24), após um longo período de reivindicações dos sindicatos.

De acordo com William Enock, os sindicatos das duas categorias vão enviar uma relação dos trabalhadores do sistema para a Secretaria. Quando os motoristas forem se vacinar, os dados serão checados para evitar os fura-filas e as pessoas que não estão no sistema.

Cadastramento

Para o presidente do Sindespecial é “muito importante que os motoristas se cadastrem no sistema de vacinação da Secretaria Municipal de Saúde – https://imuniza.manaus.am.gov.br/ informando que é trabalhador do setor dos transportes.

“Os sindicatos vão levar uma listagem dos nomes dos motoristas e se responsabilizar pelos nomes que constam nessa lista. Essa é uma forma exigida pela Secretária Shádia Fraxe, para evitar que pessoas que se inscreverem no Site e não trabalham no sistema, recebam a dose da vacina sem ter direito”, informa Enock.

Ou seja, o cadastramento no site ‘Imuniza Manaus’ é livre, mas só vão ser vacinados como ‘grupo prioritário’ os que estiverem na lista fornecida pelos Sindicatos das categorias. “A lista que vamos enviar para a secretária de Saúde só vai reforçar a fiscalização e evitar os fura-filas”, acentua Enock.

Importante frisar, que os motoristas levem documentos que comprovem que eles são do sistema, tipo, carteira de trabalho, crachá. “Assim como na primeira dose, os motoristas também devem se preocupar com as mesmas regras na segunda dose, que serão aplicadas conforme os prazos estipulados pela Secretaria”, finalizou o presidente do Sindespecial.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui