Nas redes sociais, políticos criticam áudio de Michel Temer


Diversos políticos se manifestaram pelas redes sociais a respeito do áudio divulgado por engano nesta segunda-feira (11), pelo vice-presidente Michel Temer (PMDB), em que ele fala à nação em um suposto cenário de aprovação do pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT) na Câmara.

No Facebook, o senador Lindbergh Farias (PT-RJ) chamou o vice-presidente de “golpista trapalhão”. Na publicação, o petista cita a pesquisa do Datafolha divulgada no último sábado (9), na qual Temer aparece, em um dos cenários, com 1% das intenções de votos no caso de uma eventual eleição. Lindbergh ainda relembrou a carta que o peemedebista enviou à presidente Dilma Rousseff em dezembro, classificando o episódio como patético.

A deputada federal Jandira Feghali (PCdoB) também comentou o caso nas redes sociais. No Facebook, Jandira categoriza o ato como teatral e um “aceno artificial para um eventual governo” que, em sua opinião, não acontecerá. Já no Twitter, Jandira publicou uma imagem na qual aparecem fotos do vice-presidente ao lado do deputado Eduardo Cunha (PMDB) com os dizeres: “Entenda o que acontece com o Brasil em caso de golpe: Em caso de Impeachment Temer e sua turma assumem a presidência. Em caso de novas eleições, Cunha e sua turma assumem a presidência por três meses”.

Ainda no Twitter, um dos primeiros a repercutir o episódio foi o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB). Ele disse ter ficado “assustado” com o trecho em que o vice-presidente afirma que serão necessários sacrifícios para retomar o crescimento econômico.

A senadora Gleisi Hoffman (PT-PR) afirmou que as palavras do vice-presidente comprovam a “conspiração de Temer para derrubar Dilma”.

Já a ex-candidata à presidência Luciana Genro (PSOL) usou a rede social para reforçar sua oposição à Dilma, mas esclareceu que não se unirá ao governo de Michel Temer. “Se o golpe palaciano de Temer passar ele que não conte com União Nacional tendo ele como chefe”, escreveu.

(NOTICIAS AO MINUTO)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui