Novo Airão vai gastar mais de R$ 10 milhões com merenda escolar e combustível

Prefeito de Novo Airão, Frederico Júnior - Foto: Reprodução

O prefeito de Novo Airão (a 196 quilômetros de Manaus), Frederico Júnior, vai gastar mais de R$ 10,5 milhões para compras não tão importantes neste momento de pandemia.

Na lista estão itens para merenda escolar, materiais de expediente, higiene, limpeza, combustíveis e derivados de petróleo.

Frederico Júnior homologou três pregões presenciais para contratar quatro empresas que prestarão os serviços na cidade. Uma delas é a H. A. de Aguiar Comercial, que fornecerá os alimentos para a merenda escolar por pouco mais de R$ 3,7 milhões.

O problema é que, devido à pandemia de covid-19, o município não está com aulas presenciais, portanto, não se sabe o destino da merenda escolar, já que o benefício não é levado para a casa dos alunos.

A mesma empresa vai receber mais R$ 2,3 milhões para fornecer produtos de higiene e limpeza. O contrato foi firmado por meio de pregão.

Já o abastecimento ficou por conta da Anavilhanas Comércio de Combustível Ltda e da Delta Comércio de Produtos Alimentícios, Serviços de Construção Eireli. O valor pago será pouco maior que R$ 4,1 milhões.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui