Pedagoga orienta pais sobre os primeiros dias de aula das crianças

Foto: Divulgação

Os primeiros dias de aula para as crianças que vão frequentar pela primeira vez a escola pode ser um grande desafio para toda a família. Mudar a rotina, se separar mesmo que só por algumas horas do pais, pode gerar insegurança e medo nos pequenos, por isso a importância da adaptação escolar. Nesse período, família e escola desenvolvem um trabalho em conjunto para tornar essa experiência mais tranquila.

Segundo a coordenadora do curso de Pedagogia da Faculdade Santa Teresa, Debora Nogueira, a ida pela primeira vez à escola é um rompimento com toda a rotina a que a criança está habituada. “Ela sai da convivência apenas com a família para um processo de socialização mais amplo”, explicou.

Debora Nogueira ressalta que, além das crianças, os pais também precisam se adaptar até mesmo para passar segurança para os filhos. “É algo que precisa ser trabalhado internamente por cada pessoa, afinal, o seu ‘tesouro’ está vivenciando um novo momento”, frisou.

De acordo com a coordenadora, os pais podem seguir algumas dicas para que todo esse processo aconteça de forma tranquila e natural. O primeiro passo é conversar bastante com a criança, passando segurança, mostrando que a escola é um ambiente legal, que vai ser divertido, que irá fazer novas amizades.

Outra orientação é tornar a ida para a escola algo estimulante, então, ele indica levar a criança para escolher a mochila e os materiais escolares em geral, explicando para ela para que serve cada coisa. Isso pode ajudar no controle da ansiedade pelo que está por vir. “Contar, por exemplo, que com o lápis de cor a criança vai pintar vários desenhos faz com que ela visualize melhor o que vai acontecer na escola e se sinta mais confortável”, relatou.

A escola exige uma rotina, principalmente de horários, por isso a recomendação é para que os pais iniciem esse ajuste com antecedência, principalmente em se tratando de horário de dormir e de alimentação.
Nos primeiros dias de aula, deixe que a criança leve algum objeto que a faz sentir-se segura. Debora considera que os pais devem ser firmes para demonstrar segurança, mas também devem acolher os filhos. “O choro nos primeiros dias é natural, mas é necessário se manter firme. Uma dica é combinar com a criança o horário que estará na escola para buscá-la. É importante cumprir o acordo para que ela sinta-se bem. Paciência é a palavra-chave para passar por esse momento”.

Debora Nogueira acrescenta que a escola também vai ajudar bastante no processo. No curso de Pedagogia da Faculdade Santa Teresa, diz ela, os alunos são preparados, através dos conteúdos das disciplinas, para contribuir nesse processo de adaptação escolar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui