Polícia prende dono de embarcação e apreende 684 filhotes de tartaruga

Foto: Reprodução

Agentes da Base Fluvial Arpão prenderam um homem e apreenderam 684 filhotes de tartaruga durante revista em uma embarcação no rio Solimões, em Coari (distante 363 quilômetros de Manaus). O transporte ilegal foi localizado na manhã deste sábado (24/04), por volta das 6h. A apreensão representa um prejuízo de R$ 3,4 milhão ao crime.

A prisão foi realizada na embarcação Maria de Lourdes, oriunda do Município de Carauari com destino a Manaus. As equipes estavam revistando várias caixas de isopor, quando encontraram em uma das caixas 663 filhotes de tartarugas vivos e 21 filhotes mortos, que estavam acondicionados de forma precária no convés principal da embarcação.

O proprietário da embarcação não soube informar às equipes o responsável pelo embarque do Isopor. O homem recebeu voz de prisão por crime ambiental e foi conduzido à delegacia móvel da Base Arpão para realização dos procedimentos legais. Além dos procedimentos penais, o infrator vai pagar uma multa de R$ 5 mil para cada animal.

O comandante do Batalhão Ambiental, major Wallasson Lira, orienta a população que criar, guardar, transportar, capturar ou caçar animais silvestres sem autorização do órgão competente, configura crime ambiental, bem como praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos, sujeitando seu(s) autor(es) às penalidades previstas na Lei.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui