População mata e toca fogo no corpo de estuprador em Fonte Boa

Foto: Reproduão

Em momento de revolta e fúria, moradores de Fonte Boa ( a 678 quilômetros de Manaus) invadiram a delegacia da cidade, destruíram viaturas, mataram e tocaram fogo no corpo do vendedor de bolos Ronald Gomes Borges, de 28 anos, na noite de sexta-feira (17). A vítima tinha confessado o estupro e a morte de uma menina de apenas 10 anos.

A fúria e revolta assustou a população e o pouco efetivo policial não pôde fazer nada para impedir que as pessoas revoltadas, retirassem o acusado de dentro da delegacia o matassem e o esquartejassem para em seguida tocarem fogo em seu corpo.

No mesmo instante ocorria a depredação do prédio da delegacia com a destruição de viaturas que foram incendiadas.

Foto: Reprodução

O vendedor de bolos Ronald Gomes Borges, de 28 anos, tinha sido preso após ser denunciado pela própria esposa de ter matado, estuprado e escondido de baixo da cama o corpo da pequena Elcleciane Nascimento Duarte, de 10 anos, que era sua vizinha.

A prisão ocorreu na sexta-feira (17) e durante o dia se seguiu uma tensão com a população ameaçando invadir a delegacia para retirá-lo de la e o matar. Isso acabou ocorrendo depois que foi divulgado a informação que o estuprador iria ser transferido para Manaus.

A situação continua tensa em Fonte Boa e um reforço policial será enviado na manhã deste sábado (18).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui