Renato aragão é demitido da Globo

Renato Aragão - Foto: Reprodução/Instagram

Renato Aragão foi demitido pela Globo após 44 anos devido à nova política de corte gastos da emissora, que optou por não renovar o contrato com o humorista. A partir desta terça-feira (30), o criador e intérprete de Didi Mocó trabalhará por obra certa. O último projeto do veterano na casa foi no remake de Os Trapalhões, em 2017, que só durou uma temporada.

Em entrevista ao colunista Mauricio Stycer, do UOL, Aragão contou que está em paz com a decisão da Globo e que agora poderá se dedicar a trabalhos fora da emissora. “Para mim, ampliou meus projetos. Você não sabe como eu estou gostando. É uma nova etapa. Não paro nunca, sempre trabalhando. Eu me considero meio máquina, meio humano”, contou o comediante.

Líder dos Trapalhões, grupo que formou ao lado de Dedé Santana, Mussum (1941-1994) e Zacarias (1934-1990), Renato agradeceu à antiga casa pelos 20 anos de sucesso contínuo da trupe e por tantos outros trabalhos.

“Criei o Criança Esperança, que também foi uma maravilha. Depois a Turma do Didi (1998-2010). Fiz muita coisa, tive muita alegria na TV Globo, não tenho nada de ruim para falar. Estou muito feliz com ela. Nós chegamos a um acordo. Continuo trabalhando na Globo por projetos pontuais e faço projetos em outras plataformas. É a oportunidade de fazer também em outro lugar”, declarou ele.

Com os boatos de que o humorista é cotado para projetos nos serviços de streaming Netflix e Amazon, Aragão não entregou para onde vai. “Não posso falar porque são coisas em negociação”, declarou.

Fonte: UOL

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui