Suplemento entregue para gado de pecuaristas ameniza impactos causados pela cheia

Foto: Emerson Martins/Sepror

Durante a última enchente, o Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror), levou apoio a pequenos pecuaristas de Manacapuru (a 68 quilômetros de Manaus) que tiveram a produção afetada pela subida das águas, com a entrega de suplemento alimentar para gado. A ação alcançou 77 produtores do município, totalizando 47.740 quilos do insumo. Em todo o estado, a Sepror atendeu 836 criadores, de 12 municípios, com 8,5 mil sacos de farelo de soja com 50 quilos cada, mais 3,3 mil sacos de sal mineral.

Em Manacapuru, um dos beneficiados com o insumo foi o pecuarista Ivaldo Carlos Mendonça, conhecido como Maranhão. Há cerca de dois anos, ele iniciou sua produção no ramo da pecuária. Atualmente conta com nove cabeças de gado (oito adultos e uma bezerra), dos quais dois animais fornecem leite que é comercializado em sua propriedade rural.

“O incentivo que eu recebi do Governo do Estado, com 10 sacos de farelo de soja, quatro sacos de sal mineral, me ajudou bastante para que viesse melhorar a qualidade do gado e do leite”, destacou o pecuarista, que conta com o apoio e a assistência técnica da equipe local do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam).

Foto: Emerson Martins/Sepror

O engenheiro agrônomo do Idam, Caio Aguiar, enumera os serviços prestados pela instituição na região: “Nós atuamos na assistência técnica para os agricultores familiares e produtores rurais, facilitando a eles o acesso às políticas públicas, ao crédito rural, assistência técnica propriamente dita no acompanhamento das culturas, da lavoura, criação de animais, na emissão de documentos aos agricultores familiares”.

O secretário executivo adjunto de Política Agrícola, Pecuária e Florestal do Amazonas da Sepror, Airton Schneider, ressalta a importância dessa ação do suplemento alimentar destinada aos pequenos criadores de gado. “Estabeleceu-se uma ação direta no fornecimento imediato com suplemento alimentar que inclui farelo de soja, junto com o sal mineral para restabelecer as propriedades ou unidades familiares que tinham seus animais afetados”, explicou o secretário.

Os pecuaristas de Autazes, Barreirinha, Boa Vista do Ramos, Careiro, Careiro da Várzea, Iranduba, Itacoatiara, Manacapuru, Manaquiri, Parintins, São Sebastião do Uatumã e Urucará foram contemplados com o suplemento alimentar.

A suplementação para o gado garante a ingestão ideal de sais, nutrientes e proteínas necessários para o desenvolvimento dos animais, principalmente em épocas de estiagem, ou pastagem avariada, contribuindo com o aumento da produção de carne e leite, melhorando a saúde do rebanho e diminuição da mortalidade, suprindo as deficiências das pastagens.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui