Tenente Coronel fala em morte durante depredação de delegacia em Barreirinha

Foto: Reprodução

AMAZONAS – Um coronel da Polícia Militar Amazonas, (PMAM), Corrêa Junior, que é comandante do 11º batalhão de Polícia Militar de Parintins. Enviou relatório sobre a depredação que ocorreu em uma delegacia de polícia no município de Barreirinha, distante 331 KM, de Manaus. Veja nota

Informações da PM

Um cidadão estuprou e matou uma criança de um ano. Ele foi pego na comunidade TERRA PRETA. Essa prisão foi feita pela PC. Dois policiais civis deslocaram para o local e trouxeram o infrator, porém quando chegaram em Barreirinha a delegacia já estava cercada. 

Somente após verificarem essa situação foi que solicitaram apoio da PM. Enquanto a população tentava invadir a delegacia houve um confronto com a polícia civil onde três pessoas foram baleadas, tendo uma vindo a óbito.

Foto: Divulgação

Foi deslocado para apoiar a situação nove policiais militares de Parintins, com material de choque, e cinco de Boa Vista do Ramos a fim de resguardar o local e retirar o infrator do município. A situação perdurou até as duas horas da manhã onde, após a intervenção da Força Tática com uso de material de distúrbio civil, conseguimos retitá-lo do local e conduzi-lo à Parintins.

Antecipa permanece no local até acalmar os ânimos. Mesmo após a retirada, a população conseguiu invadir a delegacia e depredou-a, tentaram invadir também o quartel mas foram impedidos. Na delegacia não havia mais nenhum preso ou policial. Aguardo mais detalhes da equipe agora pela manhã.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui