Amazonas Cidades

Adolescente morre soterrado após barranco desabar, em Manaus

Jovem dormia em casa quando foi soterrado por parede — Foto: Patrick Marques/G1 Amazonas
Escrito por Redação II

Um adolescente de 14 anos morreu após ser soterrado em um desabamento de terra, na Zona Norte de Manaus, na manhã desta quinta-feira (10). O jovem dormia na casa em que morava, quando um barranco caiu sobre a parede do quarto dele e o soterrou. O pai e os dois irmãos da vítima dormiam em outros quartos quando o acidente aconteceu.

De acordo com o Capitão Feijó, do Corpo de Bombeiros Mitar da Amazônia (CBMAM), eles foram acionados para o resgate na Av. Serra Alegre, Bairro Colônia Terra Nova 3, por volta de 5h30. Eles chegaram em cinco minutos e tiveram a ajuda de moradores da área para retirar o barro que havia caído sobre a casa.

Jovem dormia em casa quando foi soterrado por parede — Foto: Patrick Marques/G1 Amazonas

“Conseguimos retirar a vítima e começamos os procedimentos de primeiros socorros, tentamos reanimar a vítima e acionamos o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). O médico, então, chegou e constatou o óbito do adolescente”, explicou o capitão.

O capitão informou, ainda, que a chuva que cai em Manaus desde a madrugada de quinta-feira (10), amoleceu um barranco que ficava próximo à parede do quarto da vítima e causou a fatalidade.

De acordo com uma vizinha da vítima, que preferiu não se identificar, a mãe do adolescente havia saído para trabalhar, por volta de 4h. O pai e dois irmãos mais novos dormiam em outros quartos da casa. Ela conta que o pai ouviu o barulho do deslizamento e se assustou.

“Ele saiu correndo aqui na rua, pedindo ajuda dos vizinhos. Muitos vieram e começaram a ajudar. Ele nem ficou no local, ele foi para onde a esposa dele trabalha, no Centro, para avisá-la”, contou a vizinha da vítima.

O corpo do adolescente foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML), para os procedimentos cabíveis.

Fonte: G1

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.