Amazonas fortalece ações de detecção de câncer de mama no interior

Os formandos atuam nos municípios de Iranduba, Autazes, Itapiranga, Maués, Santo Antonio do Içá, Tapauá, Parintins e outros.

Os formandos atuam nos municípios de Iranduba, Autazes, Itapiranga, Maués, Santo Antonio do Içá, Tapauá, Parintins e outros.
Os formandos atuam nos municípios de Iranduba, Autazes, Itapiranga, Maués, Santo Antonio do Içá, Tapauá, Parintins e outros.

O Governo do Amazonas concluiu o processo de capacitação da primeira turma de servidores que irá atuar no interior do estado, reforçando, principalmente, as ações para diagnóstico precoce de câncer de mama.

São 78 servidores, que participaram do Curso de Técnico de Nível Médio em Radiologia, oferecido pela Secretaria Estadual de Saúde (Susam) e ministrado pelo Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam). De acordo com o secretário estadual de Saúde, Wilson Alecrim, os formandos integram os quadros de unidades de saúde em 27 municípios do interior.

A capacitação desses servidores é mais uma fase importante do processo de qualificação dos serviços de apoio diagnóstico que está em fase de expansão e modernização no interior. “A formação desses técnicos é estratégica, sobretudo, para a implantação dos serviços de mamografia nos nossos hospitais, ampliando o acesso das mulheres que vivem nos municípios a este exame tão importante”, disse o governador José Melo, durante a cerimônia de formatura dos servidores.

mama

O secretário Wilson Alecrim destacou que, no início deste ano, o Governo do Estado cumpriu a meta de dotar todos os 61 municípios do interior com o equipamento de mamografia. Os hospitais agora estão fazendo a adequação das salas especiais para instalação do mamógrafo, ao mesmo tempo em que a Susam promove a capacitação de recursos humanos. “Neste convênio com o Cetam, formamos esta primeira turma e o processo vai continuar até alcançarmos todos os municípios”, detalhou Alecrim.

Os formandos atuam nos municípios de Iranduba, Autazes, Itapiranga, Maués, Santo Antonio do Içá, Tapauá, Parintins, Guajará, Lábrea, Boca do Acre, Coari, Urucará, Tabatinga, Manacapuru, Humaitá, São Gabriel da Cachoeira, São Sebastião do Uatumã, Manicoré, Tefé, Borba, Barcelos, Itacoatiara, Eirunepé, São Paulo de Olivença, Fonte Boa, Carauari e Apuí.

O curso foi todo ministrado pelo Cetam na capital, com financiamento pela Susam e Ministério da Saúde, no valor de R$ 1.649.714,65. Os servidores receberam uma bolsa de estudos e tiveram cobertas as despesas com deslocamento entre o município de origem e Manaus, para os módulos de ensino.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui