Barboza perde e Gadelha vence no UFC em Jacksonville

Foto: Douglas P. DeFelice/AFP

Depois da primeira vitória do mineiro Rodrigo ‘Zé Colmeia’, que estreou no card preliminar com triunfo por finalização, mais dois brasileiros lutaram no UFC em Jacksonville, na noite deste sábado. E o aproveitamento foi de 50%. Claudinha Gadelha bateu Angela Hill, pelo peso palha, enquanto Edson Barboza foi superado por Dan Ige, na divisão dos penas, ambos por decisão dividida dos juízes.

A luta feminina no peso palha foi no coevento principal do UFC em Jacksonville. Claudinha Gadelha e Angela Hill travaram bom duelo, com muita trocação, jogo de grade, com sangue e movimentação. A brasileira foi melhor no primeiro assalto, mas a norte-americana se recuperou e desferiu bons golpes no segundo. O terceiro assalto foi equilibrado, com golpes dos dois lados. No fim, os juízes laterais deram triunfo por decisão dividida para a brasileira: 29-28, 28-29, 29-28.

Peso leve de origem, Edson Barboza desceu para os penas (66kg) e teve uma luta dura contra Dan Ige. O havaiano resistiu bem aos chutes e combinações do brasileiro, principalmente no primeiro round. Nos dois seguintes, enquanto o lutador de Nova Friburgo deu sinais de desgaste, o havaiano cresceu e transformou o combate em jogo franco. No fim, os árbitros, em maioria, anotaram triunfo para o norte-americano por decisão dividida: 29-28, 28-29, 29-28.

Foto: Douglas P. DeFelice/AFP

Cláudia Gadelha conquistou a segunda vitória consecutiva no peso palha. Número seis no ranking da divisão, a potiguar radicada no Rio de Janeiro e que reside e treina em Las Vegas deverá subir para o Top 5. Já Edson Barboza, que trocou os leves pelos penas, sofreu a terceira derrota consecutiva no UFC.

Reviravolta de Overeem

Na luta principal da noite, Alistair Overeem mostrou resistência e superação para bater Walt Harris por nocaute técnico no segundo round. O combate foi marcado por incrível reviravolta do gigante holandês, já no primeiro assalto. Ele quase foi nocauteado ao ser atingido por sequência de golpes, mas resistiu e ainda buscou finalização sobre o adversário, que já estava cansado pelo começo eletrizante.

No segundo round, mais inteiro, Overeem acertou canelada seguida de boa sequência que levou Harris a knockdown. O holandês foi para as costas do rival, que levou vários golpes e apenas se defendia escondendo a cabeça entre as mãos. O árbitro Dan Miragliota encerrou o combate aos 3min do segundo assalto, com nocaute técnico. Reem se recuperou de revés contundente para Jairzinho Rozentruik, enquanto Walt Harris teve sequência de duas vitórias interrompida nos pesos pesados.

Resultados do UFC: Overeem x Harris

CARD PRINCIPAL

Alistair Overeem venceu Walt Harris por nocaute técnico aos 3min do segundo round
Cláudia Gadelha venceu Angela Hill por decisão dividida (29-28, 28-29, 29-28)
Dan Ige venceu Edson Barboza por decisão dividida (29-28, 28-29, 29-28)
Krzysztof Jotko venceu Eryk Anders por decisão unânime (30-27, 29-28, 29-28)
Song Yadong venceu Marlon Vera por decisão unânime (triplo 29-28)

CARD PRELIMINAR

Miguel Baeza venceu Matt Brown por nocaute aos 18seg do segundo round
Kevin Holland venceu Anthony Hernandez por nocaute aos 39seg do primeiro round
Giga Chikadze venceu Irwin Rivera por decisão unânime (30-26, 30-27, 30-27)
Nate Landwehr venceu Darren Elkins por decisão unânime (29-28, 30-27, 30-27)
Cortney Casey venceu Mara Romero Borella por finalização aos 3m36 do primeiro round
Rodrigo Zé Colmeia venceu Don’Tale Mayes por finalização aos 2m05 do segundo round

Fonte: Superesporte

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui