Chapa 2 propõe unidade para recuperar saúde financeira da Unimed Manaus

A chapa 2, adotou o slogan “Unidos somos mais fortes - Unimed patrimônio de todos nós”(Foto: Divulgação)

O êxito das ações empreendidas pela diretoria executiva provisória à frente da administração da Unimed Manaus, em 21 dias de intenso trabalho, e o resultado exitoso da reunião com a Agência Nacional de Saúde Suolementar (ANS), deram maior ânimo a um grupo cooperados liderados pelo médico Nelson Barbosa da Silva, que encabeça a chapa 2, na disputa o comando da Unimed Manaus.

O médico Nelson Barbosa, que é um dos integrantes da Direção Provisória, relata que nesses 21 dias de trabalho, em razão de demandas represadas há anos de fornecedores e cooperados, foram necessárias jornadas diárias de trabalho de até 16 horas. Não era raro ver a Dra. Ramza Badr de Lima, presidente da Diretoria Provisória, trabalhar até às 22 ou 23 horas, sem almoçar ou jantar, e todos nós colegas diretores e assessores no mesmo ritmo.

A chapa 2, adotou o slogan “Unidos somos mais fortes – Unimed patrimônio de todos nós”(Foto: Divulgação)

Médicos ouvidos pela redação afirmam que o comentário geral entre os médicos é que a transparência sobre as informações da Cooperativa, o diálogo direto com os prestadores de serviço e o corte de milhões de reais em gastos, em tão pouco tempo, voltou a dar esperança a todos na recuperação da Unimed.

A notícia dada de que o Corpo Técnico da ANS afirmou de que, neste momento, está descartada a alienação compulsória da carteira da Unimed Manaus, tranquiliza cooperados e clientes, mas Nelson Barbosa lembra que o risco ainda existe. “A solução é a continuidade das medidas austeras que vêm sendo adotadas pela Direção Provisória”.

A chapa 2, que adotou como slogan de campanha “Unidos somos mais fortes – Unimed patrimônio de todos nós”, elegeu dez propostas como plataforma de trabalho para dar continuidade ao programa de recuperação da Cooperativa, iniciado pela executiva provisória.

No topo da lista de propostas está a de adotar medidas de saneamento econômico-financeiro da Unimed Manaus a partir dos dados levantados pelas assessorias jurídicas e contábeis auditoria contratadas pela direção provisória e que já estão em andamento, de forma transparente para que todos os cooperados possam decidir a respeito das questões essenciais à vida da Cooperativa.

Seguindo a linha de transparência, Nelson Silva afirma que dará continuidade as medidas adotadas pela atual direção provisória, de agir com austeridade no controle de ativos e passivos, e assim obter ainda mais redução nos gastos da Cooperativa.

Vencendo o pleito da próxima segunda-feira (8/01), a chapa 2 também se compromete em manter a renegociação direta da Administração com os prestadores de serviços e fornecedores de materiais, em diálogo franco, para restabelecer a credibilidade e reduzir as dívidas da Unimed Manaus, a exemplo do que já vem sendo feito pela atual Administração que firmou inúmeros termos de ajuste, em pouquíssimo tempo de gestão.

Ainda na área administrativa, Nelson Silva destaca que todos os contratos de prestação de serviços, locação e etc, serão revisto e renegociados, porque segundo ele, a maioria hoje está em desacordo com a realidade da Unimed e também do mercado. Também para reduzir gastos, o candidato afirma que pretende contratar novas assessorias jurídicas, com a redução do custo global do valor pago atualmente nesta área, afim de evitar a acumulação de pagamentos pela Unimed de honorários mensais com honorários sobre êxito.

Na questão operacional, Nelson Silva destaca a valorização do trabalho do médico cooperado, tanto nas unidades hospitalares como nos consultórios de especialidades, como prioridade da chapa 2.

E ainda, a implantação de protocolos e rotinas em todas as cirurgias que requeiram o uso de órteses e próteses. Além de implementar medidas voltadas à educação continuada, estimulando o cooperado a atualizar os seus conhecimentos na sua respectiva especialidade médica.

A chapa 2 também vai propor a revisão do Revisão do Estatuto Social e Regimento Interno da Unimed Manaus, respeitando as contribuições e críticas dos cooperados, com base em orientação jurídica, segundo consta no material divulgado pela chapa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui