Comitê de Combate à Corrupção acolhe D. Sergio Castriani na sua coordenação

Foto: Divulgação

Na manhã do dia 11 de dezembro, Dom Sergio Castriani recebeu em seu gabinete coordenadores do Comitê do Amazonas de Combate à Corrupção Eleitoral e ao Caixa Dois nas Eleições, para uma breve reunião. Nesta, Dom Sergio afirmou que mesmo deixando de ser arcebispo, ele mantém sua missão de religioso e de cidadão e compromete-se em estar ativo na coordenação deste comitê e continuar defendendo o fim da corrupção e conscientizando o eleitor sobre a importância do voto.

O Comitê é uma representação no Amazonas do Movimento Nacional de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE), formado há 20 anos por mais de 120 entidades da Sociedade Civil e coordenado pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Conselho Federal de Economia, Conselho Federal de Administração, Conselho Federal de Contabilidade, Confederação Nacional dos Jornalistas e já contabiliza importantes conquistas.

Foi instalado em 2016, na sede da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Amazonas, com objetivo de propor uma reforma política inclusiva com mais participação da mulher na vida política, com mais negros e índios nos parlamentos e nos governos; fazer campanha de conscientização sobre a importância do voto para melhorar a qualidade da democracia e dos políticos brasileiros; fiscalizar e denunciar a corrupção eleitoral, porque o representante ou governante eleito por meios ilícitos, tende a ser um péssimo gestor e corrupto.

Estiveram presentes na reunião Cassius Clei, Maria Aparecida, Manoel Júnior, Frei Paulo Xavier e Carlos Santiago.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui