Crise ambiental na Amazônia será tema de evento religioso e debate político

Amazônia passou a ser o centro das atenções de diferentes autoridades/Foto: Divulgação

Com o desmatamento chegando a proporções cada vez maiores na Amazônia, o mundo está de olho nas questões ambientais. Ou seja, a Amazônia passou a ser o centro das atenções de diferentes autoridades, sejam elas políticas ou religiosas.

Com o tema “Amazônia: Novos Caminhos para a Igreja e para uma ecologia integral”, o Sínodo da Amazônia, organizado pela Igreja Católica, será realizado em outubro deste ano. O evento internacional é uma modalidade de assembleia instituída pelo Papa Paulo VI e assumida como uma prática metodológica participativa da igreja desde 1965.

Já o Sínodo da Amazônia foi uma resposta do Papa Francisco à realidade da PanAmazônia, para identificar novos caminhos para a evangelização, especialmente dos indígenas. No próximo dia, a Comissão de Integração Nacional, Desenvolvimento Regional e Amazônia (Cindra) da Câmara dos Deputados realizará Audiência Pública para debater o Sínodo da Amazônia. O encontro terá a presença do deputado federal José Ricardo (PT-AM), de representantes da Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e de entidades religiosas e sociais da Amazônia.

“Nas reuniões preparatórias para o Sínodo, chamou-se a atenção para os problemas na região amazônica, com denúncias que atingem os direitos dos indígenas, dos ribeirinhos e de comunidades, onde poder público e sociedade devem atuar com mais força”, declarou José Ricardo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui