Depoimento de Givancir é adiado para garantir a integridade física

Foto: Divulgação

Após informar que se apresentaria ao delegado Bruno Fragas espontaneamente, o presidente do Sindicato dos Rodoviários de Manaus, Givancir Oliveira, deverá prestar depoimento somente nesta terça-feira (3). O motivo do adiamento é que havia muitos manifestantes em frente à delegacia.

O representante sindicalista disse, ainda, que pretende colaborar com a justiça. No entanto, quer que sua segurança seja garantida. Caso os manifestantes ainda permaneçam nas proximidades da delegacia, o depoimento de Oliveira deverá ser realizado na sede da Delegacia Geral, em Manaus.

Givancir Oliveira deve prestar mais esclarecimentos sobre a morte de Bruno Freitas Guimarães e na tentativa de assassinato do travesti conhecido como Thelcy. Ambos estariam envolvidos no roubo de R$ 200 mil da casa de Givancir, em Iranduba.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui