Dessa vez o prefeito de Iranduba cai, será cassado, aponta pré-candidato a vereador

Foto: Reprodução/Facebook

Uma sessão marcada para esta sexta-feira (13) na Câmara Municipal de Vereadores pode marcar o fim de linha, ou seja, a cassação do mandato do prefeito de Iranduba, a 32 km de Manaus, Francisco Gomes da Silva, o “Chico Doido”.

O pré-candidato a vereador por Iranduba,Paulo Onofre, acredita que os vereadores irão votar praticamente por unanimidade pela perda do mandado de “Chico Doido”.

Em sessão realizada no último dia 26 de novembro, os vereadores já haviam aceitado a denúncia de Improbidade Administrativa contra “Chico Doido”.

Entre outras coisas, “Chico Doido” é acusado de superfaturamento de transporte escolar em mais de R$ 3 milhões em apenas seis meses de gestão.

Existem ainda outras ações e processos em que o prefeito é denunciado a órgão de controle como Tribunal de Contas do Estado (TCE) e Ministério Público de Contas (MPC).

Paulo Onofre lembra que a desconfiança é mútua entre o prefeito e os vereadores desde que, com medo de ser preso, “Chico Doido” anunciou que pretendia colaborar com o Ministério Público (MPE-AM). À partir daí, ele passou praticamente a “entregar” vereadores, inclusive os que antes eram seus aliados como o vereador Pedro Paulo Castro (DEM) que foi preso quando recebia R$ 5 mil de propina do próprio “Chico Doido”.

Como não confiam mais em “Chico Doido” e, para se vingar da “trairagem”, os vereadores se uniram e agora irão votar pela cassação na sessão da Câmara Municipal de amanhã. “O Chico tá num beco sem saída”, aposta Paulo Onofre.


1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui