Doria anuncia entrega de 1,1 milhão de doses da vacina do Butantan ao Ministério da Saúde

Do total de vacinas, 248 mil doses ficarão em São Paulo, seguindo critério de proporcionalidade e equidade estabelecido pelo SUS – foto: recorte/vídeo

O Governador João Doria anunciou nesta sexta-feira (5) a liberação da quarta entrega de doses da vacina do Butantan contra o coronavírus para o Brasil.

A remessa, que saiu no início da tarde, conta com 1,1 milhão de doses que integrarão o Programa Nacional de Imunizações.

Deste total, 248 mil serão destinadas ao Centro de Distribuição e Logística da Secretaria da Saúde de São Paulo, seguindo critério de proporcionalidade e equidade estabelecido pelo SUS (Sistema Único de Saúde).

As vacinas foram transportadas no início da tarde de hoje (05) – foto: recorte/vídeo

“Aumentamos ainda mais a participação da vacina do Butantan no Programa Nacional de Imunizações. Ainda sem este lote, nove a cada dez vacinas contra a COVID-19 que são aplicadas no Brasil são vacinas de São Paulo, do Instituto Butantan, para ajudar a salvar milhões de brasileiros”, disse Doria.

Até 31 de janeiro, conforme cronograma estabelecido com o contrato com o Ministério da Saúde, foram entregues 8,7 milhões de vacinas do Butantan para imunização dos brasileiros, das quais 6 milhões foram enviadas em 17 de janeiro, 900 mil no dia 22 e 1,8 milhão em 29 do mesmo mês. Com a nova remessa desta sexta-feira, o total de doses liberadas soma 9,8 milhões.

O lote entregue hoje contempla doses que foram processadas no Instituto Butatan a partir de matéria-prima encaminhada em dezembro pela Sinovac, na China. Este IFA (Insumo Farmacêutico Ativo) foi envasado, rotulado, embalado e passou por criteriosas inspeções de qualidade antes de ser disponibilizado para a população.

Na quarta-feira (3) chegaram ao país mais 5,4 mil litros de insumos para envase no Butantan, correspondentes a 8,6 milhões de novas doses a serem produzidas.

Na próxima semana o Instituto receberá mais 5,6 mil litros de IFA que corresponderão à produção de mais 8,7 milhões de doses. Essas novas remessas que serão envasadas passam a ser entregues ao Ministério da Saúde a partir do dia 23 de fevereiro.

Do Portal do Governo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui