Empresário revela faturamento de Marília Mendonça antes de tragédia

Foto: Reprodução/Instagram

O empresário Wander Oliveira, que gerenciava a carreira de Marília Mendonça até o acidente fatal que tirou sua vida em novembro de 2021, concedeu entrevista à revista Piauí em que revelou o faturamento da sertaneja na época.

Segundo Wander, Marília estava faturando entre R$ 10 e 12 milhões ao mês, somando cachês de shows, direitos de execuções de suas músicas e valores correspondentes aos seus produtos licenciados.

Feminejo

Um dos orgulhos de Wander Oliveira é ter sido o primeiro a abrir portas para mulheres no mercado sertanejo. “Além da Marília, eu assinei contrato com a Maiara e Maraisa ainda em 2015”, disse, na entrevista. “As duas tinham sido recusadas por um outro empresário só porque são mulheres. Dou graças a Deus, na verdade, pela burrice dele”, completou, comemorando seu alto faturamento com o sucesso das irmãs mato-grossenses.

Apesar do sucesso das Patroas, Wander admite que o mercado sertanejo ainda é um terreno de homens. Na própria WorkShow, as mulheres representam apenas 20% do elenco da empresa.

Metrópoles

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui