Ex-governador do Mato Grosso do Sul é levado à sede da PF

Viatura da PF em frente a reaidência do filho de Puccinelli/Foto: PF

O ex-governador de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli (PMDB), é um dos alvos de operação da Polícia Federal (PF), deflagrada na manhã de hoje, quinta-feira (11), em Mato Grosso do Sul, Paraná e São Paulo. O secretário-adjunto de Fazenda na gestão do ex-administrador estadual, André Cance, foi preso.
A operação Máquinas de Lama é relacionada à fraude em licitações e corrupção com dinheiro público e é desdobramento de outras três, realizadas entre 2015 e 2016: Lama Asfáltica, Fazendas de Lama e Aviões de Lama. A suspeita é que o prejuízo aos cofres públicos seja de R$ 150 milhões, somente com fraudes detectadas nesta 4ª fase de investigação de desvios de recursos destinados a serviços e compras públicas, entre eles de obras em rodovias e aquisição de livros.

Viatura da PF em frente a reaidência do filho de Puccinelli/Foto: PF

Policiais estiveram no apartamento de Puccinelli, no bairro Jardim dos Estados, e o levaram em viatura caracterizada à Superintendência da PF. Foi cumprido mandado de condução coercitiva. Há um ano teve busca e apreensão no apartamento dele, no âmbito da operação Fazendas de Lama.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui