Filho com esquizofrenia que esquartejou a mãe deve ser levado para um presídio

Foto: Divulgação

MANAUS – Equipes da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), estão investigando o homicídio de Maria de Fátima Matos da Silva, que tinha 65 anos, ocorrido na madrugada desta terça-feira (22). O filho dela, Maxsuel da Silva Lima, de 32 anos, foi preso, em flagrante, pela Polícia Militar do Amazonas (PMAM), por volta das 9h, apontando como principal autor do crime.

Conforme o delegado Charles, o homicídio ocorreu na casa onde eles moravam, localizada no bairro Petrópolis, zona sul de Manaus. O delegado informou que o homem, possivelmente, tenha esquizofrenia, o que teria ocasionado o crime, porém, as investigações seguem em andamento e o laudo pericial de necropsia sairá, posteriormente, para a confirmação.

“Ainda não temos certeza de qual a motivação do crime, porém, a cena vista foi chocante, o que deixava claro que o autor estaria em um momento de surto psicótico, o que será comprovado com o resultado dos laudos”, esclareceu o delegado.

 

Ainda conforme autoridade policial, no momento da prisão, que foi realizada por policiais militares, o homem não resistiu, mas estava bastante alterado. Uma arma branca utilizada no delito foi apreendida e passará por perícia.

Maxsuel irá responder por homicídio. Após os procedimentos cabíveis, ele será encaminhado para a Central de Recebimento e Triagem (CRT), onde ficará à disposição da Justiça.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui