Gabigol vira marca e quer se consolidar como ídolo nacional

Foto: Reprodução

O atacante do Flamengo, Gabriel Barbosa, o Gabigol, busca se consolidar ídolo nacional. E para fortalecer a relação com os jovens torcedores, ele lançou sua nova marca, a “Gabigol”. O jogador de 23 anos terá dezenas de produtos licenciados, como materiais escolares, roupas e o boneco “Gabigolzinho”.

Gabigol quer alcançar o público mais jovem, independentemente do time de coração. Há também o objetivo de ajudar projetos sociais, com doações de produtos e de parte da renda obtida com as vendas.

O empresário Junior Pedroso, que gerencia a carreira do atacante, contou como surgiu o projeto de criação da marca. “Quando decidimos ficar no Flamengo, mesmo com propostas de clubes da Inglaterra e da Alemanha, era para criar uma identidade. Tínhamos esse projeto de ele continuar no Brasil, que está carente de um grande ídolo nacional. A ideia partiu da nossa empresa, foi aprovada pelo Gabriel e pela família dele, e então contratamos uma agência de criação”, afirmou o agente.

Gabigol disse estar animado com a nova marca e espera conquistar mais espaço no público infantil. “Queria encontrar uma forma de retribuir todo esse carinho das crianças comigo, pois sempre é muito legal vê-las no estádio pintados como se fossem eu. E não só a torcida do Flamengo, o carinho que recebi de vários torcedores mirins de outros clubes foi sensacional”, agradeceu o jogador.

Em 2019, por exemplo, Gabigol foi tietado por torcedores de Grêmio, Palmeiras e até do Junior Barranquilla, da Colômbia. A comemoração do atacante, fazendo pose com os braços para cima depois de marcar um gol, também virou febre entre o público mais jovem. De acordo com Junior Pedroso, chegam mais de 100 mensagens por dia via internet de crianças que querem conhecer o jogador pessoalmente ou ter pelo menos algum produto autografado.

Questionado se ficar associado a um clube específico poderia atrapalhar o futuro da carreira de Gabigol, o empresário acredita que não haverá prejuízo neste sentido. Pelo contrário: os times podem ver que o jogador consegue render também fora das quatro linhas.

Até agora, Gabigol lançou o boneco “Gabigolzinho” em co-branding com o Flamengo e a linha de chinelos em parceria com a empresa Kenner. Segundo Junior Pedroso, há mais de 70 produtos em fase de análises, especialmente para produtos escolares, confecção de roupa infantil e linha de banho.

Com informações Notícias ao Minuto

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui