Guerreiros nômades protegem um dos últimos elefantes com presas gigantes

Foto: Reprodução

Este é o elefante Craig, de cerca de 50 anos, enquanto aproveita um dia de sol no Parque Nacional Amboseli, do Quênia. À frente dele está um guerreiro Maasai, um grupo étnico tradicional do chamado Vale do Nilo.

O motivo para ter proteção especial é que Craig é um dos últimos que possuem uma das chamadas “super presas” (super tuskers, no original em inglês), com pelo menos 45 kg cada uma.

As fotos foram feitas pelo fotógrafo Clint Ralph, de 59 anos.

Foto: Reprodução

“Ele [Craig] tem Guerreiros Masai que o protegem à distância 24 horas por dia, para evitar que ele seja caçado ou caçado ilegalmente”, afirma Clint.

No momento, estima-se que existam apenas 20 desses “super presas”. Em outros parques, estudiosos registraram o nascimento cada vez maior de elefantes sem presas, provavelmente uma resposta da natureza à matança de animais com elas.

Fonte: R7

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui