Inicia operação de resgate de meninos presos em caverna

Equipes de resgate no interior da caverna (Foto: Marinha Real de Tailândia / via AP Photo)

Tailândia começou na madrugada deste domingo (8) – horário no Brasil, manhã na Tailândia – a operação de resgate dos 12 meninos de 11 a 16 anos e seu treinador de futebol, presos em uma caverna no distrito de Chiang Rai desde o dia 23 de junho, informou o governador da província de Chiang Rai, Narongsak Osatanakorn.

Dezoito mergulhadores, sendo 13 especialistas internacionais e cinco tailandeses experientes, entraram na caverna e inicaram a jornada até o grupo isolado no interior da montanha. Toda a operação, considerada complexa, pode durar até 4 dias.

Equipes de resgate no interior da caverna (Foto: Marinha Real de Tailândia / via AP Photo)

A viagem de volta deve iniciar com 4 garotos. O objetivo da missão é trazer esse grupo até à noite.

Os 12 meninos, o treinador e as famílias do grupo foram informados sobre o início da operação de resgate.

Equipes médicas estão se preparando há três dias para receber o grupo.

Chuva
Mas uma das maiores preocupações é com as condições climáticas. Chove fraco na região no momento, mas há nuvens escuras da época de monções sobre o norte montanhoso do país na manhã deste domingo.

Ambulâncias estão de prontidão na área da caverna (Foto: Tyrone Siu / Reuters)

As equipes começaram a esvaziar a área para a operação de resgate no final da noite de ontem sábado (7), manhã na Tailândia. A ordem de evacuação foi do comandante da polícia Komsan Sa-ardluan em um alto-falante.

Foram desobstruídas a área no entorno da entrada caverna e também as estradas de acesso à região.

Embora as equipes de resgate tenham conseguido retirar uma grande quantidade de água do sistema de cavernas, só é possível percorrer sem grandes perigos 1,5 km dentro da montanha. Mas a maior parte da jornada ainda é muito traiçoeira. Um mergulhador experiente leva até 11 horas para uma viagem de ida e volta.

Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui