Ipem-AM fiscaliza fios e cabos elétricos de baixa tensão

Foto: Alexandre Vieira/Ipem-AM

Com o objetivo de garantir a segurança e qualidade de fios e cabos elétricos de baixa tensão de fabricação nacional, local e do comércio em geral, o Instituto de Pesos e Medidas do Amazonas (Ipem-AM), autarquia estadual e órgão delegado do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), realiza nesta quinta-feira (19/08) a Operação Ligação Segura, por meio da perícia no laboratório do órgão de 21 amostras de fios e cabos coletados.

Durante as perícias, o Ipem-AM utiliza o microhmímetro, uma nova tecnologia capaz de avaliar a qualidade do material empregado na fabricação dos fios e cabos. A ação leva em conta que os itens são parte importante na instalação elétrica de um imóvel e que, se adquiridos de forma irregular, podem gerar aumento do consumo de energia elétrica e superaquecimento na fiação, podendo até provocar incêndio.

Foto: Alexandre Vieira/Ipem-AM

O diretor-presidente do Ipem-AM, engenheiro Márcio André Brito, orienta a população sobre os cuidados na compra de fios e cabos de baixa tensão. “Para que a instalação seja segura é importante fazer aquisição desses produtos certificados pelo Inmetro, evitando possíveis acidentes relacionados à baixa qualidade do material”, orientou Márcio Brito.

Confira as dicas do Ipem-AM ao fazer aquisição de fios e cabos elétricos de baixa tensão:

• Observar se na etiqueta do produto consta o selo do Inmetro;

• Verificar o número de registro do produto;

• Ficar atento se o produto contém o nome do fabricante, bem como CNPJ e telefone para contato;

• Observar se na etiqueta ou embalagem do produto consta a indicação do comprimento nominal em metros;

• Na embalagem deve constar ainda a data de fabricação e o lote do produto.

Irregularidades – Caso sejam identificadas irregularidades, as empresas serão autuadas, tendo um prazo de dez dias para apresentar defesa junto ao órgão. As multas podem chegar a R$ 1,5 milhão.

Dados da fiscalização em 2020 – O Ipem-AM fiscalizou no ano passado 2.498 amostras de fios e cabos elétricos de baixa tensão, sendo 1.102 unidades interditadas por apresentar irregularidades, como a baixa quantidade de cobre no produto.

Denúncias – Para denúncias, reclamações, dúvidas ou sugestões, a população pode entrar em contato com a ouvidoria do órgão, pelo número 0800 092 2020, que funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h, ou enviar mensagem no Fale Conosco no site do órgão: www.ipem.am.gov.br.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui