Militar tem parte da mão decepada após garimpeiros tentarem furar bloqueio em RR


Um grupo de garimpeiros tentou furar o bloqueio de uma fiscalização do Exército no Rio Uraricoera e um sargento do Exército teve parte da mão decepada. O acidente foi na Terra Indígena Yanomami, ao Norte de Roraima, onde tropas atuam na repressão ao garimpo ilegal na região.

A 1ª Brigada de Infantaria de Selva, informou neste sábado que por volta das 23h30 dessa sexta-feira um barco com garimpeiros tentou romper o bloqueio realizado pelas tropas dentro do rio, na região da comunidade indígena Waikás.

O piloto, segundo o Exército, jogou a embarcação em que os garimpeiros estavam contra o barco dos militares. Com a batida, o militar se feriu e um garimpeiro caiu na água.

“A embarcação que tentou romper o bloqueio evadiu-se do local sem conseguir passar, abandonando o civil [garimpeiro] nas águas do Uraricoera.”, informou o Exército.

O garimpeiro foi socorrido e levado para um posto da Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai), onde foi atendido e passa bem, sem lesões graves, segundo o Exército.

“O militar acidentado teve parte da mão decepada e, após receber os primeiros socorros, aguarda o resgate para Boa Vista.” A vítima deve chegar a capital ainda neste sábado.

Não há relatos de disparo de arma de fogo por parte da tropa, informou a assessoria do Exército.

Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui