PDT escolhe seus pré-candidatos a vereador em sala às escuras

Foto: Divulgação

Os pré-candidatos a vereador 2020, pelo PDT já começaram a sentir na pele o que é um problema de má gestão, caso venham a ganhar, a partir do seu próprio diretório municipal.

Nesse dia 15 de janeiro, está acontecendo uma reunião para escolha dos que vão concorrer as vagas de vereador de Manaus em outubro de 2020, mas para surpresa geral, a energia elétrica do prédio foi cortada por falta de pagamento e o prédio está às escuras.

“Estamos fazendo a reunião a luz-de-velas”, disse um dos concorrentes à candidato a vereador, que não quis se identificar por temer represálias do presidente municipal, Diego Afonso.

Foto: Divulgação

A situação é grave e desgastante, pior até do que de outros partidos que não tem nem sede própria. Para os vereadores reunidos, o presidente Diego Afonso tem levado a direção partidaria municipal no tranco e de forma autoritária.

O PDT tem três parlamentares no Amazonas, tem um deputado estadual, Adjuto Afonso, o vereador Diego Afonso e Glória Carrate, mesmo assim não consegue se organizar para a eleição municipal desse ano, lamentam.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui