Polícia Civil apreende três toneladas de drogas durante operação Double Tap

Entorpecentes foram apresentados na sede do DRCO, em Manaus. — Foto: Matheus Castro/g1

Cerca de três toneladas de drogas, apreendidas pela Polícia Civil do Amazonas durante a operação Double Tap, foram encontradas em “bunkers”, estrutura construída embaixo da terra, em Manaus e Santa Isabel do Rio Negro.

A apresentação à imprensa ocorreu nesta segunda-feira (10). Sete pessoas foram presas.

De acordo com o delegado responsável pelo Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), Rafael Allemand, a primeira apreensão ocorreu ainda no dia 31 de dezembro do ano passado, em Manaus.

Na ocasião foram encontrados 500 Kg de entorpecente em uma casa no bairro Dom Pedro, na Zona Oeste da cidade. Com a apreensão, os policiais iniciaram uma investigação que detalhou o esquema de tráfico de entorpecentes no estado.

Coletiva detalhou esquema criminoso. — Foto: Matheus Castro/g1

A partir disso, os agentes conseguiram apreender outras duas toneladas em um sítio na região da Ponta Negra, também na capital, e outros 700 Kg em Santa Isabel do Rio Negro.

Além das drogas, a polícia conseguiu apreender carros, embarcações e dinheiro em espécie. O prejuízo, segundo o delegado, foi de R$ 36 milhões.

De acordo com a polícia, foram presos o dono da droga, os transportadores e armazenadores do entorpecentes, além de outras pessoas que ajudavam no apoio logístico e financeiro do esquema criminoso.

g1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui