Prefeito tem 15 dias para explicar desvio de verbas federais

Foto: Reprodução

O prefeito de Nova Olinda do Norte, Adenilson Reis, tem o prazo de 15 dias para prestar explicações à Justiça. O motivo é a não prestação de contas do uso de mais de R$ 615 mil provenientes do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

O Ministério Público Federal (MPF) está acusando o gestor de improbidade administrativa. Os recursos teriam sido repassados em 2010 e deveriam ser utilizados para a compra de veículo escolar, dentro do Programa Caminho da Escola.

Adenilson foi notificado da acusação por duas vezes. A primeira delas aconteceu em 2013 e a segunda em 2015.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui