Prefeitura de Iranduba invade terrenos de propriedade particular

USB construída com recursos federais em área invadida/Foto: Divulgação

USB construída com recursos federais em área invadida/Foto: Divulgação
Centro de Turismo construído em terreno particular/Foto: Divulgação

É no mínimo intrigante o que está acontecendo no município de Iranduba/Am, envolvendo a Prefeitura Municipal e o Investigador de Polícia, de classe especial, aposentado Waldir Ventilari, proprietário de terras.

Segundo Ventilari, procurado pelo Portal Correio da Amazônia, após denúncia recebida, a Prefeitura de Iranduba está promovendo invasões em suas terras, em Acajatuba e na Ponta dos Ingleses, não só para a construção de obras a cargo da Secretaria de Saúde, tendo à frente o secretário Antonio Alves e o de Finanças David Queiroz, como também, para ocupação de terceiros.

A grande interrogação (?) que fica, diante dos primeiros levantamentos feitos, é como a administração municipal vem conseguindo firmar convênios com o Governo federal e, consequentemente, recebendo os recursos para a realização de obras nessas localidades que não pertencem à prefeitura, por isso não possuindo a documentacão necessárias aos trâmites legais junto aos ministérios, em Brasília?

O proprietário das áreas (Acajatuba, 64.500 ha. e Ponta do Ingleses, 14.500 ha.), até agora, não foi procurado pela Prefeitura de Iranduba para solucionar o problema e as vezes em que procurou os gestores municipais, não foi recebido.

“Procurei conversar com eles, mas, infelizmente, não consegui. Quero resolver esse problema e o que vejo é que o prefeito Xinak Medeiros não tem nenhum interesse, pois, como é do conhecimento público, o secretário de Finanças David Queiroz é o chamado “manda chuva” na Prefeitura”, disse o proprietário.

De acordo com o que constatamos, a Prefeitura de Iranduba já construiu uma Unidade Básica de Saúde(UBS), em Acajatuba, como, também, um Centro Turístico, a cargo da Construtora do senhor Oldivan Pacheco, à revelia do propiretário dos terrenos, o Investigador aposentado Waldir Ventilari.

Procuramos manter contato com o prefeito Xinaik Mederios, mas, até agora não obtivemos sucesso, a fim de que a Prefeitura se posicione a respeito deste assunto que será objeto de uma outra matéria.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui