Prefeitura inaugura nova Praça dos Cocos na Ponta Negra

Praça dá novo conceito ao tradicional ponto de venda de cocos - Foto: Alex Pazuello / Semcom

A nova Praça dos Cocos foi inaugurada no fim da tarde deste sábado, 7/3, pela presidente do Fundo Manaus Solidária, a primeira-dama Elisabeth Valeiko Ribeiro, representando o prefeito Arthur Virgílio Neto, e é fruto de parceria público-privada em um terreno no calçadão onde antes os vendedores trabalhavam em barracas improvisadas, no calçadão do Complexo Turístico Ponta Negra, zona Oeste.

A nova área, totalmente requalificada, abriga 22 permissionários com quiosques padronizados em harmonia com as demais construções do local, banheiro, recuo para veículos, paisagismo e painéis em grafite ou street art, com cenas do cotidiano amazônico valorizando a cultura, a arte, o meio ambiente e o regionalismo. Além da valorização dos trabalhadores do local, o projeto também valoriza os costumes da região e incentiva o turismo.

“É muito importante destacar que esse espaço seria desapropriado pela Prefeitura de Manaus, mas o proprietário se engajou no projeto e cedeu 280 metros para a prefeitura instalar os quiosques padronizados, do recuo e de outros benefícios para consolidar esse nicho de mercado e dar condições de trabalhos aos 22 permissionários do local”, afirmou a primeira-dama. “Estamos dando um espaço digno aos trabalhadores e cuidando da nossa cidade”, completou.

Praça dá novo conceito ao tradicional ponto de venda de cocos – Foto: Alex Pazuello / Semcom

Elisabeth Valeiko Ribeiro destacou também que, ao mesmo tempo em que está cuidando dos espaços público, proporcionando a ocupação organizada, a infraestrutura indispensável e o embelezamento, a Prefeitura de Manaus também cria oportunidades para o turismo local, valorizando ainda mais um espaço como a Ponta Negra, que está entre os roteiros mais lembrados e procurados na cidade.

Praça dá novo conceito ao tradicional ponto de venda de cocos – Foto: Alex Pazuello / Semcom

A praça dos Cocos dá lugar às antigas instalações individuais, tendo estrutura metálica, piso em pedra portuguesa, telha tipo galvalume, bancadas de granito, gradis de segurança, brises em metalon. A praça passa a contar com 11 boxes construídos em 215 metros quadrados. Os permissionários têm pontos de água, áreas para freezer, bancos, lixeiras e paisagismo com floreiras.

*Com informações assessoria

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui