Programa ‘Escola na Copa’ entrega ingressos para alunos da rede de ensino, em Manaus

Ingressos para Jogos da Copa entregues para estudantes/Foto: Divulgação
Ingressos para Jogos da Copa entregues para estudantes/Foto: Divulgação
Ingressos para Jogos da Copa entregues para estudantes/Foto: Divulgação

Alunos da rede estadual de educação, em Manaus, receberam os ingressos para jogos da Copa do Mundo, disponibilizados pela Federação Internacional de Futebol (Fifa), dentro do programa “Escola na Copa”.

No Amazonas, 36 escolas, entre municipais e estaduais, foram beneficiadas com o repasse de ingressos. No total, 1.902 alunos que integram o programa “Mais Educação” receberam o passaporte para assistir aos jogos que serão realizados na Arena da Amazônia.

O programa “Escola na Copa” faz parte da ação conjunta entre Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) em parceria com o Ministério da Educação (MEC), Ministério dos Esportes (ME) e Secretarias de Educação em todo o país. Cada aluno sorteado recebeu dois ingressos que não podem ser transferidos para terceiros. Cada aluno deverá assistir aos jogos acompanhados de um responsável maior de 18 anos.

Emoção – A Escola Estadual Professora Jacimar da Silva Gama foi uma das instituições contempladas e realizou a retirada dos 50 ingressos sorteadas para a instituição. Os alunos e seus acompanhantes vão assistir à partida entre Honduras e Suíça que acontece no dia 25 desse mês na Arena da Amazônia.

O aluno do 3ª ano do ensino fundamental, Endel Silva de Almeida, 8, contou que no início foi uma grande surpresa. “Fiquei muito feliz com a escolha, pois nem esperava ganhar, agora não vejo a hora de ir com meu pai assistir ao jogo no estádio novo”, disse.

A autônoma Cristiane Lima de Castro que acompanhava a sobrinha Emily Castro, 8, falou da ansiedade em assistir à partida do mundial de futebol. “Vai ser emocionante assistir de perto as duas seleções que jogarão aqui. Eu gosto muito de futebol e acredito que será uma das melhores experiências, principalmente, por levar minha sobrinha que considero uma filha”, contou.

Sorteio – Conforme a diretora do Departamento de Gestão Escolar da Seduc, Kátia Menezes, alguns critérios foram estabelecidos antes do sorteio. “Participaram os alunos devidamente matriculados nas escolas cujo programa tenha tido o mínimo de 200 matrículas, em 2013, além de estarem posteriormente inseridos no Programa Bolsa Família”, explicou.

O sorteio foi realizado pela Caixa Econômica Federal no dia último dia 3 de maio, a partir de combinações de números geradas pelo resultado da extração da Loteria Federal em conformidade com a adesão dos alunos cadastrados no banco de dados do Sistema Integrado de Monitoramento Execução e Controle (Simec).

“Mais Educação” – O programa “Mais Educação” tem por objetivo ampliar a jornada dos alunos nas escolas públicas, em até sete horas diárias, articulando as disciplinas curriculares com diferentes campos de conhecimento e práticas socioculturais. Em 2013, 49 mil escolas no Brasil participaram do programa ‘Mais Educação’, sendo que quase 32 mil possuíam maioria de alunos beneficiários do “Bolsa Família”.

Para o desenvolvimento das atividades, o Governo Federal repassa recursos para ressarcimento de transporte e alimentação de monitores, materiais de consumo e de apoio. As unidades de ensino também recebem conjuntos de instrumentos musicais e rádio escolar, dentre outros, e referência de valores para equipamentos e materiais que podem ser adquiridos pela própria escola com os recursos repassados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui