Protestos no Chile podem adiar final da Libertadores

Foto: Reprodução/Twitter

247 – Os grandes protestos no Chile contra as políticas neoliberais do ditador Sebastián Piñera podem afetar a final da Libertadores. A partida, que ocorreria no dia 23 de novembro em Santiago, no Chile, pode ser adiada ou transferida para outro local.

É isso que será discutido em uma reunião nesta terça-feira (5) entre representantes da Conmebol e dirigentes do Flamengo e River Plate, clubes finalistas da competição.

A Conmebol apresentará quatro tópicos aos clubes: nas condições atuais, é difícil que o jogo seja mantido no mesmo local e data pré-definidos. É possível também adiar a partida para o dia 30, para aguardar que a situação no país se acalme e para que tenha mais tempo para se elaborar um plano B.

Como plano B, a partida poderia ser transferia para Assunção, no Paraguai, no dia 30, ou até mesmo ser mantida a data e apenas o local da partida fosse mudado.

A última opção, de mudança de local sem alteração de data, é a preferência da Conmebol.

Fonte: 247 Brasil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui