Amazonas Educação Saúde

Seduc inicia campanha de conscientização e prevenção ao vírus H1N1

Campanha de conscientização e prevenção ao vírus H1N1 inicia nas escolas/Foto: Cleudilon Passarinho/Seduc
Avatar
Escrito por Redação II

Ações tiveram início na tarde de sexta (01/03) com entrega de material elaborado especialmente para as escolas.

A Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino (Seduc), iniciou, nesta sexta-feira (01/03), a campanha de prevenção à gripe H1N1 nas unidades de ensino da capital, com visita à Escola Estadual de Tempo Integral Professor Djalma da Cunha Batista, localizada na avenida Rodrigo Otávio, bairro Japiim, na zona sul.

Durante a ação, alunos e professores receberam cartilhas e cartazes com informações de prevenção da doença, visando reforçar as orientações do Comitê Intersetorial de Enfrentamento ao vírus H1N1, o qual a secretaria integra. A atividade foi liderada pela coordenadora do Programa de Educação em Saúde da Seduc, professora Delta Segadilha, e teve também a participação do Secretário Executivo Adjunto da capital, professor Bibiano Filho, além de técnicos da área de educação.

Foto: Cleudilon Passarinho/Seduc

De acordo com o secretário, a intenção é alcançar cerca de um milhão de estudantes nas redes de ensino estadual e municipal da capital, com dicas práticas para prevenção na escola e em casa.

“Os alunos e professores terão o importante papel de serem multiplicadores dessas informações. Além deles, todos os coordenadores distritais receberam as informações e orientações na manhã dessa sexta.”, explicou.

No material distribuído, elaborado em parceria com a Fundação de Vigilância em Saúde (FVS), também constam as medidas a serem tomadas caso alguém apresente os sintomas da doença. A recomendação é que assim que o estudante apresentar febre, tosse seca e dores no corpo, ele retorne para casa, devidamente orientado pela escola, para buscar o atendimento nas unidades de saúde.

Foto: Cleudilon Passarinho/Seduc

“Com a ajuda dos profissionais da saúde, que são habilitados para perceber, diagnosticar e acompanhar os casos, a parceria será contínua e ininterupta”, garantiu o secretário.

Cuidados básicos – Durante a visita, a coordenadora do Programa de Educação em Saúde da Seduc, professora Delta Segadilha, reforçou os cuidados básicos de prevenção, como lavar as mãos com frequência, em especial ao chegar em casa ou na escola e após uso dos transportes coletivos. A coordenadora também salientou a importância da ação conjunta na escola.

“Todos nós da secretaria de educação, profissionais de saúde, professores, gestores e os demais órgãos envolvidos estamos zelando pelo bem estar dos alunos e, para isso, precisamos do empenho de todos para juntos nos mantermos saudáveis e prevenir a contaminação pelo vírus H1N1”, ressaltou.

As atividades da campanha nas escolas da capital serão retomadas logo após o carnaval, com distribuição de mais de 10 mil cartilhas e cartazes.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.