Senadora Selma, a ‘Moro de saia do PSL’ foi cassada por crime de caixa dois

Juíza aposentada Selma Arruda, senadora pelo PSL-MT, foi cassada por crime de abuso de poder econômico e caixa dois – foto: divulgação

A senadora Selma Arruda (PSL-MT) teve seu mandato cassado por unanimidade pelo Tribunal Regional Eleitoral (MT) do Mato Grosso nesta quarta-feira (10).

Selma teria incorrido em crime de abuso de poder econômico e caixa dois, mas pode recorrer da decisão.

A juíza aposentada é conhecida em seu estado como “Sérgio Moro de Saias”, por atuar na penalização de autoridades e servidores públicos acusados de crimes.

Em nota, a senadora disse que vai recorrer da decisão. “A tranquilidade que tenho é com a consciência dos meus atos, a retidão que tive em toda a minha vida e que não seria diferente na minha campanha e trajetória política. Respeito a Justiça e, exatamente por esse motivo, vou recorrer às instâncias superiores”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui