Sobras e carcaça de peixe são vendidas a R$ 3,90 em mercado no Pará

Fome avança pelo Brasil - foto: reprodução

Fome avança no país – Vísceras, espinhas e cabeças são comercializadas a R$ 3,90 o quilo. Dieta que já engloba ossos, pelanca, carcaça de frango e pés de galinha é saída para milhões de brasileiros lançados à pobreza no governo Bolsonaro.

Um supermercado de Belém, no Pará, está vendendo restos de peixe (vísceras, espinhas e cabeças) a R$ 3,90 o quilo.

O “produto” é apenas mais um no rol de sobras e resíduos de baixíssima qualidade que vêm dominando as prateleiras do comércio de alimentos em todo país por conta do empobrecimento em marcha acelerada da população imposto pelo governo Bolsonaro.

Na imagem que circula nas redes sociais, um invólucro de isopor envolto em plástico filme mostra uma mescla de pele, cabeça, sangue e espinhas devidamente etiquetado, ao preço de R$ 2,01, por pouco mais de 500 gramas.

Os comentários dos internautas que se deparam com a foto absurda são de indignação e protesto.

Continue lendo na Fórum.

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui