UPA Campos Sales, no Tarumã, já atendeu mais de 70 mil pacientes, em Manaus

Decisão tomada pelo Ministério da Saúde revela o descaso do atual governo com a manutenção da unidade de saúde/Foto: Divulgação

Mais de 70 mil pacientes já foram atendidos na UPA Campos Salles/Foto: Divulgação
Mais de 70 mil pacientes já foram atendidos na UPA Campos Salles/Foto: Divulgação
Paciente retira suas enha para atendimento/Foto: Divulgação
Paciente retira suas enha para atendimento/Foto: Divulgação
Atendimento laboratorial na UPA/Foto: Divulgação
Atendimento laboratorial na UPA/Foto: Divulgação

Desde a sua inauguração, a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Campos Sales, localizada na avenida Dona Otília, no Tarumã, já atendeu mais de 70 mil pessoas. A Unidade de saúde, gerenciada pelo Institutos Novos Caminhos – Organização Social, compõe a rede estadual de urgência e emergência de média complexidade, e atende em regime de 24 horas.

Dentre as principais demandas de especialidades médicas da unidade de saúde estão a clínica médica que ultrapassou os 35 mil atendimentos, seguida da pediatria com pouco mais de 20 mil, cirurgia geral com aproximadamente 5 mil, entre outros atendimentos totalizando mais de 10 mil. A unidade atende, também, nas área de odontologia, ortopedia e traumatologia, além de realizar exames como raios X e exames laboratoriais.

Equipada com os mais modernos equipamentos a UPA conta com 18 leitos de observação, divididos entre as enfermarias pediátrica e adulto (masculino e feminino), além de dois leitos de isolamento para pacientes portadores de doenças contagiosas.

A UPA Campos Sales foi inaugurada em meados de março deste ano. A unidade de saúde está projetada conforme os padrões de Humanização que regem o Sistema Único de Saúde (SUS). O atendimento humanizado começa com a chegada do paciente até a alta médica. “Temos o compromisso com nossos pacientes que é cuidar deles com atenção, carinho e compromisso. Essa é a principal característica de nossa equipe multiprofissional”, afirma a diretora da unidade de saúde, Márcia Alessandra Nascimento.

Prioridade no atendimento salva vidas

A Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Campos Sales prioriza o atendimento conforme o protocolo de classificação de risco, por meio do qual a atenção médica é voltada aos casos mais urgentes em que o paciente com risco de morte. Em casos mais complexos, os pacientes são encaminhados aos prontos-socorros de alta complexidade. “Um minuto pode fazer a diferença em salvar a vida de um paciente com quadro clínico grave, por isso a classificação de risco tem sua importância na unidade de saúde”, ressalta a diretora.

Por conta do atendimento imediato a pacientes que necessitam de urgência os que estão em quadro clínico de menor gravidade precisam aguardar atendimento. Eles dispõem de todo o conforto, podendo ficar sentados, em sala climatizada, na recepção da unidade de saúde. “Sempre procuro a UPA porque aqui sei como funciona e não tem problema ficar esperando por atendimento, pois sei que alguém está mais necessitado que eu. O importante é que sou bem atendida e em tempo, também, rápido”, disse a autônoma Karla Silveira Alcântara, 28 anos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui