Vereadores devolvem Pick-Up alugadas por R$ 1,7 Milhão, em P. Figueiredo

Mostrar o carro danificado
As atividades parlamentares dos vereadores de Presidente Figueiredo foram além do limite do veículo - foto: recorte/vídeo/divulgação

Após o gasto imoral de pouco mais de R$ 1,7 milhão com aluguel de caminhonetes e a forte repercussão negativa nas redes sociais, alguns vereadores do município de Presidente Figueiredo resolveram devolver os carros e tentar reparar o erro cometido.

O contrato foi firmado pelo presidente da Câmara dos Vereadores de Presidente Figueiredo, Marcos Nascimento, com a empresa K L Rent a Car, sediada em Manaus, para o fornecimento de 13 caminhonetes.

Vereadores andando em caravana, com alto consumo de combustíveis – foto: divulgação

Cada vereador recebeu uma caminhonete para uso, supostamente, para atividade parlamentar. O contrato vai até Abril de 2022.

Mas de acordo com informações preliminares, com o aumento de 11 para 13 vereadores, estourou o orçamento de 2021. “Aí tiveram que reduzir custos e sobrou para as caminhonetes alugadas para os vereadores andarem”, sugeriu um assessor parlamentar.

Vereador Cézar Amaral, de Presidente Figueiredo – foto: divulgação

Gastos além do orçamento 

Desde o início do ano, a Câmara Municipal de Presidente Figueiredo tem feito gastos exorbitantes, maior que os valores destinados para a Casa Legislativa Municipal. Um deles, diz respeito à aquisição de mais de 300 mil litros de combustível, sendo 228 mil de gasolina comum e 84 mil de Diesel-S10. O valor do contrato era de R$ 1,4 milhão, por 12 meses.

Outra forma de gasto

Resta saber se a renúncia das caminhonetes vai se transformar em uma contrapartida para os vereadores. Existe uma suspeita de que o presidente da Câmara, Marcos Nascimento, transforme o dinheiro que seria gasto com os veículos em ‘benefícios’ secundários, terciários, amigável.

A situação dos veículos devolvido é crítica:

1 COMENTÁRIO

  1. Ilegal e imoral. Um descaso com o dinheiro público e com o sofrimento da população das comunidades que vivem na lama. Com esse dinheiro daria pra pavimentar os principais ramais do município. Inclusive, o município não possui um km sequer de ramal pavimentado. Qual será o motivo?

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui