Visibilidade da CPI está colocando Omar Aziz de volta no jogo da reeleição

Presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da COVID, senador Omar Aziz (PSD-AM) - foto: recorte/arquivo

O senador Omar Aziz começa a “colher os louros do sucesso da CPI da Covid-19”. Com forte visibilidade alcançada na presidência da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), que tem exposto as vísceras de um governo mentiroso e em frangalhos, Omar termina por viabilizar a sua volta ao ‘jogo da reeleição’, ao Senado.

À frente da Comissão Parlamentar de Inquérito, que iniciou em abril deste ano, para investigar supostos desvios de recursos destinados ao combate da covid-19, o parlamentar amazonense ganhou espaço no cenário político nacional e estadual, o que pode catapultar a sua candidatura à reeleição no próximo ano, com sobra.

Festa de aniversário

Antes, tido como não reelegível, candidatura improvável, carta fora do baralho, hoje, o seu nome ganha projeção política a olhos vistos. Prova disso, foram as felicitações de aniversários dada por nada menos que 30 prefeitos do Estado, presentes na residência oficial, na última sexta-feira (13), para comemorar os 63 anos do senador.

Na seleta lista de presentes, estavam os prefeitos de Manicoré, Lúcio Flávio, de Maués, Júnior Leite, de Manacapuru, Beto D’Ângelo, prefeita de Nhamundá, Marina Pandolfo, entre outros.

Para alguns gestores, o parlamentar tem mostrado o seu compromisso com o Amazonas, mas também com a população brasileira, ao colocar à mesa deslizes e fatos suspeitos e mentiras envolvendo os principais responsáveis pela área da Saúde no País e, os seus mais que suspeitos parceiros comerciais.

Bolsonaro ‘cabo eleitoral’ de Omar

Na verdade, o principal ‘cabo eleitoral’ e responsável pelo crescimento político do presidente da CPI da Covid, é o próprio presidente Bolsonaro e suas sandices. Ao espernear, atacar, xingar, mentir, trocar farpas via redes sociais ou durante entrevistas à imprensa, promover patético desfile de tanques nas ruas do Distrito Federal, ele só está contribuindo para colocar Omar de volta no jogo da reeleição e, enterrar a sua.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui