Wilson Lima anuncia criação de Central de Segurança Alimentar

Foto: Diego Peres/Secom

O governador Wilson Lima anunciou, nesta terça-feira (03/11), a criação de uma central de distribuição de alimentos para apoiar o trabalho do Governo do Amazonas junto às famílias em situação de vulnerabilidade social e insegurança alimentar.

O anúncio foi feito na sede da Secretaria de Produção Rural (Sepror), no bairro Japiim, zona Sul de Manaus, durante a assinatura da lei que instituiu o Programa Estadual de Combate e Prevenção ao Desperdício e à Perda de Alimentos.

No evento, o governador reforçou o compromisso em ampliar a parceria entre o Estado e as instituições sociais que atuam para reduzir a insegurança nutricional no Amazonas.

Foto: Diego Peres/Secom

O Programa Estadual de Combate e Prevenção ao Desperdício e à Perda de Alimentos, que na prática existe desde março de 2019, já arrecadou aproximadamente 100 toneladas de alimentos em quatro feiras da capital, beneficiando 70 mil famílias.

Fortalecimento – Segundo a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), 54% do desperdício de alimentos no mundo ocorre na fase inicial da produção, enquanto os outros 46% ocorrem nas etapas de processamento, distribuição e consumo.

De acordo com dados da Sepror, cerca de 90 toneladas de frutas e verduras são desperdiçadas mensalmente nas feiras de Manaus. Somente no pico da pandemia, entre os meses de abril, maio e junho deste ano, o Programa Estadual de Combate e Prevenção ao Desperdício e à Perda de Alimentos coletou 16 toneladas de produtos em feiras da capital.

Foto: Diego Peres/Secom

Os alimentos arrecadados são armazenados nos caminhões da Sepror e encaminhados para o Sesc Balneário, no bairro Alvorada, onde funciona o projeto Mesa Brasil. Lá é feita a triagem e a distribuição para as instituições filantrópicas cadastradas no banco de dados do programa.

Entregas – Na solenidade desta terça-feira, seis instituições que fazem parte do programa foram beneficiadas com alimentos coletados nas feiras e também adquiridos da agricultura familiar, por meio do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA).

Entre elas estavam: Igreja Batista Vitória da Fé, Associação de Catadores de Materiais Recicláveis de Manaus, Instituto Criarte do Amazonas, Casa de Apoio à Criança, Desafio Jovem de Manaus e Instituto Autismo no Amazonas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui