Adail Filho renuncia à prefeitura de Coari e deixa parente no cargo

Prefeito Adail Filho alegou tratamento de saúde, como justificativa para deixar cargo no final do mandato - Foto: arquivo

Alegando problemas de saúde em decorrência da covid-19, o prefeito de Coari (a 433 quilômetros de Manaus), Adail Filho, renunciou ao cargo. O anúncio foi feito na noite dessa quarta-feira (18). Jeany Pinheiro deve assumir a função até o fim do ano.

Adail Filho foi reeleito para o cargo e assume em 1º de janeiro de 2021. No último domingo (15), ele alcançou, aproximadamente, 60% dos votos válidos, conforme dados do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM).

Prefeito Adail Filho alegou tratamento de saúde, como justificativa para deixar cargo no final do mandato – Foto: arquivo

Em carta-renúncia apresentada à Câmara Municipal de Coari, Adail Filho informa que enfrente alguns problemas de saúde há, aproximadamente um ano. “Os problemas foram agravados por conta da covid-19, que fui acometido há pouco. Enfermidades essas que precisam ser tratadas com um tratamento médico mais eficaz e intensivo”, diz trecho do documento.

A renúncia do cargo, segundo Adail Filho, significa a melhora da saúde. “O afastamento garantirá a retomada plena da minha saúde, condição indispensável para exercer o meu novo mandato outorgado pelo povo coariense, cujo início se dará em 1º de janeiro de 2021”, afirma outra parte da carta.

Vice assume

Com a renúncia de Adail Filho – a pouco mais de um mês para o fim do mandato – quem assume o cargo, agora, é a atual vice-presidente da Câmara Municipal de Coari, Jeany Pinheiro. A parlamentar se reelegeu vereadora e deve assumir a presidência do parlamento municipal.

Jeany ficará nos autos da prefeitura como Prefeita de Coari até 31 de dezembro de 2020. O atual presidente da Câmara, Keitton Pinheiro, é o futuro vice-prefeito de Coari.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui