Assalto, reféns e mortes em Loteria e o governador preocupado só com reeleição

Pessoas sendo conduzidas como reféns por bandidos fortemente armados - FOTO:

A segurança pública do Amazonas alcançou nível elevado de descontrole na capital amazonense, com barbáries acontecendo diariamente sob o olhar atônito das pessoas.

Neste sábado (13), aconteceu um assalto a mão armada as pessoas que estavam dentro de uma lotérica na Avenida Grande Circular, zona leste, onde bandidos armados fizeram 13 pessoas reféns em plena luz do dia. A Polícia Militar do Amazonas (PM) salvou reféns que foram usados como escudos humanos, na tarde deste sábado, na zona Leste de Manaus

Pessoas sendo conduzidas como reféns por bandidos fortemente armados – FOTO:

A Polícia Militar do Amazonas (PM) salvou os reféns que foram usados como escudos humanos, na tarde deste sábado, na zona Leste de Manaus. A tentativa de assalto ocorreu por volta das 15h30. Os bandidos foram seguidos e atiraram contra a polícia. A quadrilha estava armada com espingarda, pistola e uma submetralhadora. O secretário de segurança pública, coronel Amadeu Soares, acompanhou a ação.

Segundo a polícia, dez vítimas permaneciam sob a posse dos assaltantes e outros dez foram liberadas. Os quatro bandidos foram baleados e presos e terminaram morrendo.

O ato tomou proporções quando os criminosos fizeram ameaças de atear fogo no local e usaram os reféns como escudo humano.

Enquanto o governador Amazonino Mendes gasta sua saliva nas entrevistas e campanhas na TV afirmando que “fez e vai fazer muito mais”, os cidadãos não conseguem enxergar essas atitudes promissoras que o candidato à reeleição tanto comenta por aí.

O fato é que, entre essas trocas de comando na cúpula da segurança pública do Estado e de investimentos milionários no setor, num são mais que projetos pessoais eleitoreiros com conchavos políticos na atual gestão.

Quatro bandidos mortos na pedra no IML – foto: divulgação PM

E o povo que se cuide ao sair e voltar para seus lares porque o governo de Amazonino anda meio sem “Amor”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui