Deputado quer debater a retirada do aeroclube do bairro de Flores

Foto: Reprodução

No próximo dia 24, vai acontecer um debate sobre a ação do governo do Amazonas que pretende retirar o Aeroclube do Aeródromo de Flores, na Zona Centro-Sul de Manaus. O deputado estadual Sinésio Campos (PT) apresentou uma proposta, na forma de requerimento, para que seja realizada uma Audiência Pública com a participação da Secretaria Infraestrutura e Região Metropolitana de Manaus (Seinfra) e a diretoria do Aeroclube.

O deputado informou que a diretoria do Aeroclube foi notificada pelo governo do Estado que tem até 1º de setembro para sair do aeródromo, que ocupa e administra há 80 anos, desde a fundação em 1940, portanto, chegou primeiro que o Eduardo Gomes. A administração deverá passar às mãos de uma empresa privada por meio de contrato de concessão.

O parlamentar explicou que a legislação para regulamentação econômica dos aeroportos, os aeródromos (pista de pouso) cuja Agência de Aviação Civil (Anac) não avalia interesse comercial, firma convênios para a administração destes com Estados ou Municípios. Contudo, a SAC já permite a liberação de concessão (30 anos) com instituições privadas desde que se comprometam em cumprir uma série de critérios e normas para o funcionamento do aeródromo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui