Derfv recupera trator e prende ladrões de máquinas agrícolas no Amazonas

O trator roubado foi adquirido através do Fundo de Promoção Social do Estado do Amazonas, avaliado em 200 mil reais - foto: divulgação

A Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos (Derfv) interceptou uma balsa no Rio Amazonas e recuperou um trator avaliado em R$ 200 Mil que havia sido roubado em Rio Preto da Eva na madrugada do ultimo dia 28.

Sob a coordenação do Delegado Cícero Túlio, os investigadores da Especializada interceptaram a balsa no Rio Amazonas, na altura do Município de Itacoatiara, por volta das 04h da manhã do dia 29, que se destinava ao Estado do Pará. A balsa levava um trator adquirido através do Fundo de Promoção Social do Estado do Amazonas, avaliado em 200 mil reais roubado pela quadrilha.

Durante a ação, criminosos fizeram reféns funcionários de um imóvel de titularidade de uma Associação agrícola do Município de Rio Preto da Eva tendo subtraído o veículo e encaminhado a um dos portos de Manaus, de onde foi embarcado na Balsa Santa Lucia, com destino ao Estado do Pará.

O trator já recuperado pela Derfv – foto: divulgação

O grupo criminoso é operado por integrantes de uma Organização Criminosa responsável por remeter veículos e maquinários do Amazonas ao Estado do Pará. A quadrilha contava com o apoio armado de um funcionário do Município de Rio Preto da Eva que está sendo investigado também pela Especializada.

Além do trator, outro veículo de passeio e uma motocicleta com suspeita de serem adulterados também foram recuperados.

O maquinário foi ainda revendido pelo bando para um agricultor de Rorainópolis no Estado do Pará que efetuou o pagamento de R$ 60.000,00 pela negociação.

A ação policial contou com o apoio de policiais da Delegacia Fluvial e do Departamento de Polícia do Interior.

Foram presos os nacionais JANOSIO DE LIMA “o missão”; ELIAS SIMÕES PINTO “O CUTIA” e SAMUEL SOLANO DE SOUZA “O ASSOLAN”, alem da esposa do ELIAS, identificada como AMANDA ROCHA DA COSTA

Todos foram flagranteados por associação criminosa armada, roubo majorado, receptação qualificada, falsificação de documento e estelionato.

Após os procedimentos cartorários eles serão encaminhados a audiência de custódia e ficarão a disposição da Justiça.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui