FCecon disponibiliza fisioterapia a servidores e prestadores de serviço

Foto: Reprodução

Com o objetivo de proporcionar melhor qualidade de vida, redução de desconfortos e dores musculares durante as atividades laborais, a Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas (FCecon), órgão vinculado à Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM), disponibiliza aos servidores e prestadores de serviço a Fisioterapia do Trabalho – ginástica laboral e o atendimento ambulatorial.

O serviço de Fisioterapia do Trabalho é oferecido pelo setor de Fisioterapia/FCecon, em parceria com o Centro Universitário do Norte (Uninorte). As atividades ocorrem nas segundas, terças, quintas e sextas-feiras, pela manhã e à tarde, e visam minimizar queixas e preparar a musculatura dos funcionários para suportar a jornada de trabalho, além de orientá-los sobre a importância de alongamentos e exercícios durante a labuta.

Foto: Reprodução

Os atendimentos são realizados pelos finalistas do curso de Fisioterapia da Uninorte, sob a supervisão da fisioterapeuta e preceptora Eloisa Oliveira de Araújo. As atividades estavam suspensas devido à pandemia de Covid-19, mas retornaram na segunda quinzena de setembro, quando iniciou o estágio acadêmico.

Atividades – A ginástica laboral dura 15 minutos e é realizada nas segundas e sextas-feiras, nos setores, dentre eles Enfermarias, Consultórios, Cuidados Paliativos, Telemática e Administração. O atendimento ambulatorial é feito no serviço de Fisioterapia e visa ajudar os servidores com quadro álgico (dor) e/ou de lesão que esteja dificultando a jornada de trabalho. Ao todo, foram feitos 80 atendimentos após o retorno das atividades.

Foto: Reprodução

Acolhimento – Servidora da Fundação Cecon há 26 anos, Francineida Colares de Oliveira é uma das beneficiadas pelo atendimento ambulatorial do Serviço de Fisioterapia. Ela explica que já conhecia o trabalho de ginástica laboral realizado no setor de Internação, por isso buscou o acolhimento para tentar solucionar o problema de dores musculares.

Acompanhamento – Conforme a fisioterapeuta, a servidora vai ao hospital apenas para o atendimento, que é feito três vezes durante a semana, pela manhã e à tarde.

Serviço – A fisioterapeuta ressalta que para ter acesso ao serviço é necessário procurá-la no ambulatório de Fisioterapia, tendo em mãos o crachá. Segundo ela, serão verificados os dias e os horários disponíveis para agendar uma avaliação. Os atendimentos são nas terças, quartas e quintas-feiras, pela manhã, das 8h às 11h, e à tarde, de 13h às 16h.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui